Condições de Venda

A aceitação e satisfação de qualquer encomenda ficam sujeitas às condições gerais de venda a seguir indicadas e às condições particulares que previamente vierem a ser acordadas com os nossos serviços.
As encomendas devem ser colocadas, através de nota de encomenda, directamente perante os nossos serviços comerciais (Centro de Atendimento a Clientes) ou apresentadas aos nossos Vendedores, ou por via eletrónica através do portal na Internet da empresa.
É da inteira e exclusiva responsabilidade do Cliente a escolha de produtos e respectivas utilizações. A Inapa Portugal não se responsabiliza nem presta qualquer garantia pela adequação dos produtos encomendados pelo Cliente às finalidades e utilizações a que este os destina.
As encomendas colocadas por qualquer dos meios anteriormente indicados só vinculam a Inapa Portugal após confirmação por esta via da sua aceitação.

Os produtos serão entregues na morada indicada pelo Cliente ou colocados à sua disposição para levantamento no armazém da Inapa Portugal.
Com a colocação dos produtos à disposição do Cliente, seja na morada indicada ou no armazém, cessa por inteiro a responsabilidade da Inapa Portugal pelos mesmos.
Qualquer anomalia ou diferença entre a nota de encomenda e a guia de remessa deve ser de imediato reclamada ao transportador e registada no respectivo protocolo de entrega, assim como todos e quaisquer danos sofridos pelos produtos durante o transporte, sob pena da não aceitação de eventual reclamação.

Os preços poderão ser alterados sem aviso prévio, mantendo-se, porém, válidos os que tiverem estado em vigor na data da aceitação da encomenda.
Toda e qualquer proposta tem a validade de 48 horas, ou outra, caso esteja expressa na proposta.
Aos valores que constam na tabela de preços e/ou propostas, acresce a taxa de IVA em vigor.

A preparação e acondicionamento de encomendas de muito reduzido valor face á expressão económica da transacção, são absolutamente incomportáveis pela Inapa Portugal e economicamente insustentáveis. A empresa reserva-se no direito de debitar o custo do transporte pelo envio das encomendas cujo valor de faturação não atinja o valor mínimo de encomendas estabelecidos.

O pagamento dos produtos encomendados será efectuado no acto da entrega ou do levantamento.
Aos Clientes que, pela sua estrutura económico-financeira e antecedentes, ofereçam garantias de solvabilidade e sob um parecer favorável por parte da Inapa Portugal quando submetidos à respectiva avaliação, poder-lhes-á ser concedido o direito de proceder a compras com pagamento a 30 e 60 dias, contados da data da emissão da factura correspondente.
A Inapa Portugal reserva-se o direito de a qualquer momento rever os plafonds de crédito concedidos aos seus Clientes e/ou de os suprimir em caso de incidentes de pagamento ou alterações significativas nas suas garantias de solvabilidade.
Os Clientes a que a Inapa Portugal haja concedido direito a crédito nos termos anteriormente contemplados beneficiarão dos seguintes bónus, em caso de antecipação de pagamento:

  • Contra a entrega do produto a 2,00% desconto de pronto pagamento (mediante aprovação do Departamento Financeiro);
  • Até 10 dias após a data da emissão da factura a desconto entre 1,00% e 2,00%, conforme decidido pela Inapa Portugal após análise a efectuar ao caso concreto;
  • Entre 11 e 30 dias após a data da emissão da factura a 1,00% desconto.

Numerário - Depósito directo na conta cujo NIB se encontra na fatura.

Transferência bancária - Para a conta NIB se encontra na fatura.

Todos os fornecimentos não liquidados na data do seu vencimento estão sujeitos a juros de mora. Não são consideradas situações de mora as que estiverem relacionadas com o pagamento de documentos que contenham produtos reclamados. Assim sendo, os referidos documentos poderão ficar pendentes de pagamento desde que a respectiva reclamação tenha sido apresentada em tempo útil e após o nosso acordo expresso por escrito.
A Inapa Portugal reserva-se o direito de suspender os fornecimentos por incumprimento nos pagamentos e considerar a totalidade da dí­vida como vencida.
Os depósitos em numerário e as transferências bancárias devem sempre indicar claramente a identidade do depositante / ordenante.
O regime de vendas a crédito caducará automaticamente sempre que se verifiquem por parte do Cliente incidentes de crédito (cheques devolvidos, não pagamento de encargos e outros), deixando assim de ser fornecidos a crédito, situação que se manterá até regularização da situação e reapreciação por parte da Inapa Portugal dos termos, condições e plafonds em que o mesmo lhes poderá ser renovado, segundo o seu prudente critério.

O único responsável pela qualidade do produto é o seu fabricante, identificado pelo rótulo ou embalagem, sem prejuí­zo de eventual responsabilidade que nos seja imposta por lei inderrogável e sempre com exclusão do direito a indemnização por lucros cessantes.
As reclamações outras que as contempladas no ponto 2, só são susceptí­veis de ser aceites se apresentadas por escrito no prazo máximo de 8 dias a contar da data da emissão da respectiva factura ou da entrega, consoante o que ocorrer em último lugar.
Para as reclamações sobre qualidade, é imprescindí­vel a apresentação de amostras, transformadas e/ou por transformar, que permitam documentar e analisar as anomalias encontradas, bem como os rótulos, ou na falta destes, das indicações referidas nos mesmos.
Os prejuí­zos e eventuais perdas causadas por defeitos nos produtos por nós fornecidos, serão apresentados aos respectivos fabricantes com base nos elementos e informações que nos forem apresentadas. Só o fabricante pode decidir sobre a aceitação ou não de uma reclamação, sobre produtos defeituosos.
Quaisquer anomalias verificadas no iní­cio da transformação, se reclamadas depois de todo o produto transformado, poderão, por decisão do fabricante, não ser aceites.
O Cliente obriga-se a manter a totalidade dos produtos objecto de reclamação, disponí­vel para verificação pelos representantes da Inapa Portugal e/ou fabricante, consoante o caso, e decisão sobre o destino a dar aos mesmos.
Todas as reclamações aceites sobre fornecimentos já liquidados, serão imediatamente creditadas.

Só serão susceptí­veis de devolução os produtos que obedeçam ás condições de reclamação anteriormente referidas, devidamente acompanhados de nota de devolução previamente preenchida pelos nossos serviços e confirmados por impresso do Cliente.
Para que os produtos possam ser devolvidos devem ser verificadas as seguintes condições:

  • Ter a totalidade do produto (impresso ou não) - Reclamação
  • Ter sempre os rótulos e respectivas embalagens em bom estado
  • Ter as amostras impressas ou não - Reclamação
  • Ter o produto devidamente acondicionado por forma a assegurar condições seguras de transporte.

Para resolução de qualquer litígio eventualmente resultante de fornecimentos, será competente o Tribunal da Comarca da Maia / Oeiras, com expressa renúncia a qualquer outro.

logo pt2 branco

Uma empresa do Grupo Inapa, com mais de 20 anos de experiência atua no sector do papel, potenciando as qualidades dos seus clientes e oferecendo um portfólio alargado de soluções.

logos certificacao 2016 2

Contactos

Rua das Cerejeiras, nº 5-11

2710-632 Sintra

Telf: +351 219 239 544

Fax: +351 219 239 554